Passar para o Conteúdo Principal
Top
Logótipo
  • Facebook
  • Youtube
  • Twitter
  • RSS feed

31.900 Pessoas no EDP Vilar de Mouros 2018

2 1 1024 2500
3 1 1024 2500
Vm sabado 016 1 1024 2500
Vm sabado 022 1 1024 2500
Vm sabado 023 1 1024 2500
Vm sabado 055 1 1024 2500
Vm sabado 028 1 1024 2500
Vm sabado 099 1 1024 2500
Vm sabado 120 1 1024 2500
Vm sabado 133 1 1024 2500
Vm sabado 135 1 1024 2500
Vm sabado 154 1 1024 2500
26 Agosto 2018

. Ao longo dos três dias de festival passaram pelo recinto 31.900 pessoas
. Organização reforça posicionamento do festival no panorama musical nacional e conquista milhares de espanhóis na edição de 2018
. Nos dias 22, 23 e 24 de agosto de 2019 o festival regressa à vila minhota para mais 3 dias de muita música.

. Ao longo dos três dias de festival passaram pelo recinto 31.900 pessoas
. Organização reforça posicionamento do festival no panorama musical nacional e conquista milhares de espanhóis na edição de 2018
. Nos dias 22, 23 e 24 de agosto de 2019 o festival regressa à vila minhota para mais 3 dias de muita música.

Depois do sucesso de há já três anos a esta parte da organização do Festival Vilar de Mouros, quer pelo ambiente, pelas bandas e inúmeras atividades no recinto, o Festival Vilar de Mouros vai regressar em 2019 nos dias 22, 23 e 24 de agosto com inúmeras novidades que irão certamente voltar a chamar muito público à mítica vila do concelho de Caminha.

A edição de 2018 que, contou com um total de 31.900 pessoas, fechou o festival com os Crystal Fighters após três dias de concertos que fizeram de Vilar de Mouros o epicentro da música em Portugal.

Um cartaz muito completo, multigeracional e bastante diversificado, foi motivo de satisfação e grandes momentos de todos os que passaram pelo festival, dos 8 aos 80 e que contou com as atuações de bandas como Peter Murphy 40 years of BAUHAUS celebration featuring DAVID J, The Pretenders, Editors, dEUS, Crystal Fighters, David Fonseca, GNR, Incubus, Human League, Luis Severo, John Cale, Los Lobos, PIL, Plastic People, James, Kitty Daisy & Lewis e Scarecrow Paulo.

Sobre o balanço do Festival EDP Vilar de Mouros 2018, o Presidente da Câmara Municipal de Caminha, Miguel Alves, refere que “no meio da multidão que encheu o recinto no último dia, lembrei-me das dificuldades, dúvidas e expetativas que existiam há três anos quando decidimos “recomeçar” Vilar de Mouros. Hoje, essas memórias parecem tão longínquas como o tempo em que o festival esteve parado por más decisões. Vilar de Mouros regressou para ficar, cada ano mais forte, cada ano com mais qualidade, cada ano com mais gente. Nesta edição tivemos concertos memoráveis, do melhor que se ouve por todo o mundo e, com os milhares que connosco partilharam estes dias, protagonizamos mais um punhado de histórias que vão tecer a História do primeiro Festival de música da Península Ibérica.”

“Este foi sem dúvida um festival cheio de energia” afirma Ana Sofia Vinhas, Diretora de Marca da EDP. “A Marca está mais uma vez presente no EDP Vilar de Mouros, reforçando assim a sua estratégia de patrocínios na área da música. Desta forma, a marca não só apoia um dos festivais mais antigos de Portugal, como faz chegar esta forma de cultura a outras zonas do País. Foi com imenso prazer que apoiamos mais uma grande iniciativa musical com um toque de energia único como é o EDP Vilar de Mouros.

Diogo Marques, da Surprise & Expectation, realça que “esta edição formaliza já o 3º ano dos seis contratualizados e veio reforçar ainda mais a herança cultural do festival com um cartaz homogéneo capaz de atrair filhos, netos, avós e até bisavós. Este ano tivemos muitas novidades quer a nível do recinto, com novas atividades e espaços de alimentação, quer a nível do campismo, com novas entradas a partir da vila e uma ponte preparada para que se possa aceder desde a entrada do recinto. Do ponto de vista musical as escolhas nacionais e internacionais foram consensuais e fizeram todo o público desta vila minhota vibrar com a intemporalidade musical. É ainda com enorme orgulho que anunciamos também não só a edição do próximo ano, como a garantia de muita inovação no que respeita à música e à natureza na próxima edição.”

Algumas curiosidades fora do âmbito dos concertos que geraram muito impacto entre os presentes foi uma área desportiva que simulou uma espécie de “Jogos sem Fronteiras” onde as famílias puderam viver momentos divertidos, com insufláveis e barreiras onde os mais corajosos e destemidos puderam colocar à prova a sua destreza.

A multiplicidade de experiências gastronómicas voltou a ser uma das grandes apostas desta edição do EDP Vilar de Mouros que fez as delícias de todos os presentes. No recinto do festival, os festivaleiros tiveram a possibilidade de desfrutar de sabores que passaram pelos pratos regionais típicos, até às doçarias regionais, sem descurar as novas tendências mais healthy.

A praia fluvial que este ano conquistou pela primeira vez a Bandeira Azul, voltou a fazer as delícias dos muitos que por lá passaram, permitindo não só um cenário único de beleza natural, mas refrescantes banhos para os dias de calor que se fizeram sentir durante os dias de festival.

O festival EDP Vilar de Mouros regressa agora em 2019, para mais uma edição plena de carisma, boa disposição e muita música!