Passar para o Conteúdo Principal
Top
Logótipo
  • Facebook
  • Youtube
  • Twitter
  • RSS feed

Câmara Municipal de Caminha vai assinalar os 45 anos de Abril com várias iniciativas

Salgueiro maia 1 1024 2500
10 Abril 2019

A Câmara Municipal de Caminha vai assinalar os 45 anos de Abril com um vasto programa. Apresentação do livro “Retratos 1970-2018” de Alfredo Cunha; exposições de fotografia “Outros Retratos” e “Os Rapazes dos Tanques” de Alfredo Cunha; exposição coletiva “45 Artistas, 45 Obras, 45 anos de Abril”; espetáculo “Canções de Abril”; Cerimónia Protocolar da Assembleia Municipal – 45º Aniversário do 25 de Abril e sessão de cinema ‘SNU’, vão dar o mote às comemorações da efeméride. No concelho as comemorações iniciam sábado, dia 13, com a apresentação do livro de Alfredo Cunha, pelas 17H00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, em Caminha.

Este ano comemoram-se os 45 anos da Democracia em Portugal. No concelho de Caminha, o programa 45 de Abril tem inicio já no sábado, dia 13 de abril, com a apresentação do livro ‘Retratos 1970 - 2018’ de Alfredo Cunha, pelas 17H00. Na sinopse desta obra pode ler-se: “A começar em Amélia Rey Colaço e a terminar em Zé Pedro, passando por imagens que já fazem parte da história de Portugal — como o icónico retrato de Salgueiro Maia —, Alfredo Cunha reúne agora em livro o trabalho de uma vida, que é, afinal, de muitas vidas, de muitos rostos, de muitos momentos e protagonistas de um país, num período que vai de 1970 até 2018.
Por trás da câmara, sabemos que o repórter anda sempre com um pano amarrotado para montar um cenário em qualquer ocasião, que Cristiano Ronaldo teve de ser contactado por Marcelo Rebelo de Sousa para marcar uma sessão fotográfica, e que foi preciso ver e rever centenas de fotos de um arquivo sem fim — «Encontrei o Mário Viegas, encontrei o Ary, encontrei a Laura Alves!” — para se chegar a um alinhamento possível. À frente da câmara ficam apenas os retratados, em cada fotografia uma imensa história, e, com todas agora alinhadas em livro, uma história ainda maior’.  

Depois seguem-se as inaugurações das exposições de Alfredo Cunha. Na Galeria de Arte Caminhense, vai ser inaugurada, pelas 18H00, a exposição ‘Outros Retratos’. A mostra é composta por 14 retratos de diversas personalidades portuguesas ligada ao 25 de Abril, com destaque para as fotografias de Mário Soares e Marcelo Rebelo de Sousa. A seguir, no Museu Municipal de Caminha terá lugar a abertura da exposição ‘Os Rapazes dos Tanques’, que retrata, passo a passo, a revolução pela lente de Alfredo Cunha.

As exposições estarão patentes ao público até ao dia 30 de junho, de terça-feira a domingo, das 10H00 às 13H00 e das 14H00 às 18H00. A entrada é gratuita.

Exposição ‘45 Artistas, 45 Obras, 45 Anos de Abril’
Inaugura a 24 de abril

O programa dos 45 anos de Abril continua no dia 24, em Vila Praia de Âncora, com a inauguração da exposição coletiva “45 Artistas, 45 Obras, 45 anos de Abril” e do espetáculo “Canções de Abril”.

A Galeria de Arte Guntilanis vai acolher a exposição coletiva “45 Artistas, 45 Obras, 45 anos de Abril”, cuja cerimónia de abertura está a agendada para as 18H00. Esta mostra tem como comissário o artista Mário Rebelo de Sousa.

A coletiva “45 Artistas, 45 Obras, 45 anos de Abril” poderá ser visitada ao dia 30 de junho. A entrada é gratuita.

Nesse dia à noite, pelas 21H30, o Cineteatro dos Bombeiros Voluntários de Vila Praia de Âncora vai servir de palco ao espetáculo “Canções de Abril”, que conta com a participação da Academia de Música Fernandes Fão, Orfeão de Vila Praia de Âncora e Krisálida – Associação cultural do Alto Minho. A dramaturgia de “Canções de Abril” é da responsabilidade de Celestino Ribeiros e a encenação de Nuno Loureiro. A entrada é gratuita.

Cerimónia Protocolar da Assembleia Municipal – 45º Aniversário do 25 de Abril
marca comemorações oficiais

As comemorações oficiais do 45ºaniversário da Revolução dos Cravos celebram-se a 25 de abril com a Cerimónia Protocolar da Assembleia Municipal e a sessão de cinema ‘SNU’.

Depois do hastear da Bandeira Nacional nas duas Vilas, às 11H00 terá lugar uma Cerimónia Protocolar da Assembleia Municipal, evocativa do 45º aniversário do 25 de Abril, na qual, como foi instituído pelo presidente, Luís Mourão, usarão da palavra todas as forças políticas representadas neste órgão.


A sessão será ainda marcada pela música, designadamente pelas "músicas de Abril", interpretadas pelo Orfeão de Vila Praia de Âncora. A Assembleia Municipal vai decorrer no Cineteatro dos Bombeiros Voluntários de Vila Praia de Âncora.
O cinema vai ainda marcar a tarde com a exibição do filme “SNU”, no Cineteatro dos Bombeiros Voluntários de Vila Praia de Âncora, pelas 16H00. A receita reverte a favor dos Bombeiros Voluntários de Vila Praia de Âncora.

Na sinopse pode ler-se: “Snu é dinamarquesa e a fundadora da editora D. Quixote, publicando livros que desafiam a censura do Estado Novo. Francisco é um dos mais carismáticos políticos portugueses. Ambos são casados. Ele tem cinco filhos e ela tem três. Snu Abecassis conhece Francisco Sá-Carneiro no dia 6 de janeiro de 1976. Apaixonam-se irremediavelmente e decidem assumir esse amor num Portugal em plena reconstrução das cinzas do fascismo, abalando as convenções nacionais. Partilham valores e ambição, lutam juntos pela democracia e pela liberdade, deixando a sua marca na política e na sociedade. Morrem tragicamente em 1980, protagonizando uma das grandes histórias de amor do século XX”.