Passar para o Conteúdo Principal
Top
Logótipo
  • Facebook
  • Youtube
  • Instagram
  • RSS feed

C.A. VILAR DE MOUROS The Libertines e Die Antwoord juntam-se ao cartaz

C.A. VILAR DE MOUROS  The Libertines e Die Antwoord juntam-se ao cartaz
the_libertines_press_3
cartaz_poster2__1_
19 Junho 2024

The Libertines e Die Antwoord são as novas confirmações no cartaz do Festival C.A. Vilar de Mouros, e actuam nos dias 24 e 23 de Agosto, respectivamente. Os bilhetes já estão à venda, com o valor de 50€ para bilhete diário e 125€ para o passe de quatro dias com campismo incluído.

The Libertines foram formados em Londres em 1997 pelos amigos Pete Doherty e Carl Barât e rapidamente se tornaram numa das bandas mais importantes e marcantes da cena indie rock inglesa. Apesar de uma história conturbada, os seus álbuns “Up the Bracket” (2002), “The Libertines” (2004) e “Anthems for Doomed Youth” (2015) revelaram-se marcantes para os fãs do rock e do indie rock. A estes três trabalhos junta-se agora “All Quiet on the Eastern Esplanade” (2024), considerado por muitos como a melhor música da carreira da banda. Actuam no Palco Crédito Agrícola no dia 24 de Agosto.

Na véspera, dia 23, os Die Antwoord actuam no mesmo palco. Formados em Cape Town, África do Sul, em 2008, o duo de hip hop alternativo e rave composto por Ninja e Yolandi Visser definem a sua arte como “ficção documental” e “experiência exagerada”, pensada para chocar. Somam 5 álbuns de estúdio - “$O$” (2010), “Ten$ion” (2012), “Donker Mag” (2014), “Mount Ninji and da Nice Time Kid” (2016) e “House of Zef” (2020) - e dois EPs.

The Libertines e Die Antwoord juntam-se assim a Queens Of The Stone Age, The Darkness, Soulfly, The Legendary Tigerman, Crystal Fighters e Jazmin Bean no cartaz do Festival mais antigo da Península Ibérica.

Depois do sucesso da edição de 2023, com lotação esgotada em dois dos dias do Festival e cerca de 70.000 pessoas a passarem pelo recinto do C.A. Vilar de Mouros durante os quatro dias, a edição de 2024 continuará a contar com a dedicação empenhada do Município de Caminha e da Junta de Freguesia de Vilar de Mouros, parceiros imprescindíveis nas experiências únicas que se vivem no Festival mais antigo da Península Ibérica.

Também imprescindível é a parceria com o Crédito Agrícola, iniciada na edição de 2023 e que se mantém em 2024. Depois do sucesso do ano passado, a instituição bancária volta a ser naming sponsor do Festival C.A. Vilar de Mouros.

Com um público único e heterogéneo - dos avós aos netos, famílias, casais e grupos de amigos, portugueses e gente de vários lugares do mundo - e fiel à tradição do Festival, a organização reforça novamente o compromisso com a sustentabilidade, com a inclusão da comunidade local e com um incremento nas condições da vivência do Festival: em 2024 haverá melhores condições de acesso, mais parques de estacionamento e melhor circulação no recinto.

As equipas de produção são compostas maioritariamente por habitantes da região, contratados e formados localmente. Além disso, a concepção do espaço ficou a cargo de uma arquiteta natural de Caminha. A preocupação com a inclusão local resulta da vontade de devolver à região a dedicação e o empenho que entregam ao Festival.

A preocupação com o Planeta é também reforçada a cada edição, com separação e tratamento do lixo, eco copos, shuttles gratuitos que permitem reduzir substancialmente o uso de transportes individuais, bebedouros de água potável, reutilização de água dos banhos para os autoclismos, compostagem e outras medidas que permitem mitigar o impacto ambiental do Festival.

Os bilhetes para a edição de 2024 do Festival C.A. Vilar de Mouros encontram-se à venda exclusivamente no site da See Tickets.

Isto é Vilar de Mouros!